Coisas que você aprende quando sai de casa

Imagem: via

Se conseguíssemos entender que o tempo passa muito rápido e que não volta, certamente, não iríamos ter tanta ansiedade para sair da casa dos nossos pais. Óbvio que morar sozinho (ou com marido, namorido, amigos estudantes, etc.) tem seus prazeres, mas hoje eu sei que cada fase é especial na nossa vida e não precisamos apressar as coisas, o momento certo chega pra quase todo mundo.


Imagem: via

Ter chegado a hora pra mim foi incrível. Amo ter minha casa e poder cuidar dela. Mas, como tudo na vida, essa é uma etapa que nos ensina muito.

Quando saí da casa dos meus pais...

♥ Eu aprendi que é demais poder convidar vários amigos para fazer uma festinha particular. Mas no final, toda a bagunça sobra para os donos da casa.
♥ Eu vi que dá pra ficar horas no Pinterest pesquisando a decoração da nossa casa, mas a realidade é que tudo vale muito dinheiro e temos de abrir mão da maioria das inspirações salvas no painel da casa dos sonhos.
♥ Eu planejava ficar acordada até tarde e fazer as atividades domésticas a hora que eu quisesse, mas vi que isso só funciona se você quiser viver no caos. Para manter uma casa "visitável" devemos ter uma rotina, e, o mais importante, fazer ela funcionar.
♥ Eu descobri que roupa que amassa passa a ser pre-requisito para escolher o que vestir.
♥ Eu percebi que é ilusão achar que comeremos melhor porque somos nós que preparamos a própria comida. No final escolhemos o que é mais fácil de fazer. 
♥ Finalmente entendi o que significa a expressão: Eu não sou dono na companhia de energia!!
♥ A frase "Quando eu tiver minha casa, tudo vai ser super organizado" não significa nada. Quando você percebe tem que parar e tirar um tempo pra se dedicar às atividades de dona de casa por motivos de... não dar mais pra adiar.

Eu poderia fazer mais 315 (!) posts neste tema, mas não vou fazer isso por que ninguém vai ter tempo de passar horas na frente do computador lendo tudo. Mas, eu quero saber, e você, já saiu de casa? Se sim, o que aprendeu com essa experiência?

0 comentários:

Deixe seu comentário