Estrela da noite. Resenha e crítica não construtiva!


Finalmente eu posso dizer que terminei de ler o quinto e penúltimo livro da série Os Imortais: Estrela da Noite. Não queria começar essa resenha já reclamando, mas a verdade é que eu estou lendo os últimos livros por que... eu comprei eles! Sim, isso (e só isso) me motiva a terminar de ler todos. 

Esse foi um livro tão cansativo, ou mais do que o quarto. Não imaginei que a série fosse tãããão teenager como ela é. A história ficou muito superficial e sem ação. Acreditam que Damen e Ever não avançaram em quase nada em relação a primeira vez deles? Estão nessa desde o PRIMEIRO livro! E parece que está cada dia mais distante esse dia acontecer! #spoiler.


Dá pra ver até que o livro está desgastado. Eu carreguei ele muito tempo na bolsa, ou no carro, ou no bagageiro da moto. Ele foi e voltou comigo em viagens e mesmo assim não conseguia terminar a leitura. Não gosto de ficar pulando partes ou parágrafos, por isso eu arrastei demais acabei demorando uns 3 meses pra concluir a leitura. E olha que ele tem pouco mais de 200 páginas. 


Além de tudo, a, agora imortal, Haven fica bem malvada! Ela já era bem mimada e um pouco egoísta nos livros anteriores, mas achei que a autora não chegaria a transformá-la em uma bruxa maligna sem noção como aconteceu. Sério, ela é quase tão malvada quanto o Malfoy de Harry Potter (tá, ironizei agora, haha). Mas ela fica muito patricinha, de um jeito que se torna insuportável. 

Minha frustração com este e o último livro é tanta que, apesar de ser meta finalizar a série o mais rápido possível, acho que vou preferir intercalar um livro completamente diferente entre esse e o próximo. Se não vou arrastar a leitura também, até chegar dezembro. 


Desculpem aí o desabafo, mas... eu não encontrei nada de novo pra dizer, lendo as resenhas anteriores é possível captar do que se trata a história, e tudo mais. Mas, sabe o que mais me fez ter preguiça de terminar? O romante imensurável e eterno de Damen e a infantilidade de Ever. Eles até tiveram um lance estranho e a reputação impecável de Damen quase foi abalada, mas nada que deixasse o livro realmente surpreendente ou que me prendesse de verdade. 

Não pensei que ia ficar uma leitura tão entediante! Gostei tanto dos dois primeiros, e até do terceiro, foi até legalzinho! Mas os seguintes... sério! Frustrei! Snif! Acho que a parte que posso tirar de "boa" no final, foi quando eu terminei. Foi como se eu tivesse tirado um fardo das minhas costas. 

2 comentários:

  1. Nossa, eu comprei a série pra começar a ler, mas depois desse post fiquei bem desanimada, poxa :(

    estou seguindo o blog, beijão

    aestranhanoparaiso.blogspot.com.br
    Instagram: @aline_bianca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Li. Bom, mas começa a ler! Eu adorei os dois primeiros. Um detalhe é que eu li os dois primeiros em 2011 / 2012. Pode ser que eu mudei desde então e passei a não gostar do livro. Mas pode ser que pra você seja diferente. Gosto é muito relativo. Desanima não. Me conta depois quando começar a ler se está gostando, viu? Beijos!

      Excluir