Você tem vontade de morar sozinha?


Eu não tive oportunidade de morar sozinha. Esse ano saio de casa para me casar, ou seja, morar com o marido. E sei que vou enfrentar muitos desafios que me farão amadurecer e reconhecer o valor do dinheiro, por exemplo. Mas, se você pretende sair de casa para estudar, trabalhar, ou mesmo enfrentar com coragem esse desafio, tenho um texto bem bacana que pode ajudar nesse momento. Foi escrito por Renato Achutti. Abaixo: 


"Passei os últimos dias pensando em como começar a escrever este primeiro bate-papo para o @Apezinho sem que ele soasse desestimulante para aqueles que planejam montar o seu próprio Apezinho. Achei que o melhor seria dizer a você que a decisão de sair de casa é muito importante, talvez uma das mais importantes de nossa vida. Ela representa muito mais do que parece e, por isso mesmo, precisa ser muito bem planejada, para que seja um sucesso e não nos obrigue a retrocessos. Seria muito frustrante sair de casa e ter de voltar algum tempo depois por falta de planejamento, não acha?
Para começar, é preciso controlar os primeiros devaneios, compreender todos os custos que envolvem essa decisão e estar preparado para alguns imprevistos, que inevitavelmente acontecerão. Se você estiver bem estruturado, poucos danos eles vão lhe causar.Se você hoje vive na casa dos seus pais, avós ou tios, não deve fazer ideia das despesas que vai ter de assumir, começando pelo condomínio, Iptu, luz, gás, televisão a cabo, internet, seguro do imóvel, para citar os principais. Antes disso, não se esqueça de que é preciso equipar o lugar para torná-lo habitável, ou seja, comprar cama, armários, geladeira, fogão, cafeteira, microondas, mesa, cadeira, sofá, louça de cozinha, etc. Claro que dá pra reduzir alguma coisa, mas existe um “basicão” do qual não dá para escapar. Não se esqueça também do custo de uma faxineira, se você não estiver a fim de lavar e passar sua própria roupa, limpar e arrumar a casa.
Desanimado? Não é para tanto, morar sozinho é uma fase muito importante na vida de cada um e pode ter certeza de que o seu sacrifício será recompensado. Não escrevo para desanimar ninguém, mas para alertar de que tudo dará certo, se você se planejar, se estruturar e estiver realmente disposto a este grande desafio. Estude bem o assunto, leve isso muito a sério, faça um pequeno projeto do que pretende e de como você vai viabilizá-lo, pois não há outra alternativa, tem que dar certo !!!
Uma possibilidade a ser pensada seria dividir um apartamento com alguém. Percebeu que seu custo, como num golpe de mágica, pode cair em 50% ? Ok, tá bom, eu sei que não é fácil encontrar alguém, mas é um caminho alternativo, que se não te promete o paraíso, pelo menos não frustra seus planos mais imediatos.
Bom, isso tudo foi só pra aquecer os motores, na próxima conversa vamos tentar estruturar o seu orçamento pessoal, já que é necessário colocar este novo projeto dentro do seu projeto financeiro de vida, que já deve contar com muitas outras coisas."

Sem dúvida é um grande passo a ser dado. E se você já mora sozinha, qual foi seu maior desafio?

0 comentários:

Deixe seu comentário