Organizando a casa




Achei que ia ficar louca dia desses. Tinha mais ou menos um milhão de coisas pra eu fazer na rua e em casa e eu nem sabia por onde começar. No fim, deu quase tudo certo, mas parei pra pensar que se eu tivesse planejado melhor as coisas eu não teria sofrido tanto. O meu quarto, que é o lugar onde trabalho aqui no blog, estava uma zona total. Então decidi dar uma organizada primeiro em tudo, pra ver se consigo pensar melhor nas outras coisas. Inclusive, separei algumas dicas ótimas. Se você também passa mais ou menos por isso, você vai gostar.

Comece eliminando a bagunça: se você não sabe por onde começar, pegue uma sacola de lixo e ande pela casa recolhendo tudo o que pode ser jogado fora. Faça isso hoje, mais um pouco amanhã, e assim por diante. Se todos os dias você fizer isso, muito em breve sua casa estará mais organizada e será mais fácil dominar a situação.

Planejamento, a alma do negócio: sempre que conseguir, faça o planejamento dos seus compromissos e antecipe o que puder. Não deixe as atribuições sempre para última hora.

Use e abuse da agenda: em vez de anotar as tarefas em post-its e papeizinhos que ficam espalhados por aí, utilize uma agenda ou caderno. Para facilitar o uso, deixe uma caneta dentro dela para não ter que procurar uma sempre que precisar.

Não adie tarefas rápidas: quando uma tarefa puder ser feita em dois minutos ou menos, faça imediatamente. Não vale a pena postergar algo tão simples e que pode ser facilmente eliminado.

De três em três: faça uma lista de tudo o que precisa fazer e, diariamente, escolha as três tarefas mais importantes da lista. Quando terminar essas três, escolha mais três e assim por diante, até o final do dia.

Aproveite seus horários mais produtivos: descubra quais seus períodos de maior produtividade durante o dia e deixe para esses horários as tarefas mais chatas e complicadas. Naqueles períodos em que você sempre fica com sono ou sente que o tempo não rende, deixe para fazer as atividades de rotina, que já estão no seu piloto automático.

Conheça o seu limite: quando puder, em casa e no trabalho, delegue tarefas a outras pessoas. Nada paga pela sua saúde, pelo bom relacionamento familiar e pela sua produtividade na empresa. Procure ter uma relação saudável com seus projetos para que não fique em segundo plano o que for realmente importante na sua vida.

Utilize ferramentas de organização: caderninho para anotações, divisores de gaveta, pastas, prateleiras e ganchos de parede são ferramentas ótimas e de baixo custo que auxiliam em um dia a dia mais organizado.

Crie duas rotinas: uma rotina para quando acordar e outra para antes de dormir. O objetivo dessas rotinas é otimizar seu cotidiano, te colocando no piloto automático para certas atribuições e garantindo que você não se esqueça de nada importante.

Use a tática dos 15 minutos: estabeleça sua rotina em sessões de 15 minutos durante o dia. Faça o que puder em 15 minutos. Quando o timer tocar, pare. Isso é muito importante, porque quando começamos a arrumar não queremos mais parar, mas esse estresse não é necessário. Faça de pouco em pouco. Ler e-mails, arrumar gavetas, ver agenda e programar a rotina da semana são algumas tarefas que podem ser realizadas nesse tempo.

Boa sorte aí na sua rotina e nas suas tarefas. 
Um beijão.


6 comentários:

  1. Gostei das dicas. *-*

    http://des-conversando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida se torna bem mais prática quando planejamos e organizamos tudo. Obrigada pela visita, Linda! *---*

      Excluir
  2. Nossa, seus posts de organização estão me ajudando muito! Adoro seu blog, viu?
    Beijos e sucesso!


    mundomeniniinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me ajudam bastante também :D

      Excluir
  3. Adoro organizar minhas coisas. É sempre bom ter tudo no seu canto
    Adorei!
    Beijos, http://ohaurea.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente.

      Obrigada pela visita, linda!

      Excluir