livre


Se for pra ficar do meu lado, que seja pra somar, que seja pra durar, e que nunca, jamais seja pra me retrair, me puxar, ou atrapalhar. Odeio a idéia da minha falta de liberdade, odeio limites, sempre ultrapassei todos, nunca deixei que ninguém me controlasse, e dessa vez não vai ser diferente. Deixa eu sentir essa falsa sensação de liberdade, no fim sou eu quem vai pagar pelo prazer que ela me dá. 
Deixa eu andar com as minhas próprias pernas, já sou grandinha sei me cuidar sozinha. Se for pra estar do meu lado, que saiba me acompanhar, dançar a música seguindo meus passos, no meu ritmo  nem acelerado demais e pouco lento. Não gosto de ser controlada, não gosto de alguém me dizendo até aonde eu devo ir, porque pra aprender temos que pagar pra ver, e eu não sossego se não for assim. 
Não me afronta, e nem concorda comigo, deixa eu errar pra aprender porque na vida a gente erra e aprende, e assim sucessivamente. Fica do meu lado, nunca atrás de mim, me proteja mas sem exagero, o excesso me enjoa. Eu sou totalmente a favor da liberdade, do livre arbítrio. 
Não chega me privando, e me dando ordens, porque me é inaceitável. Eu sou o tipo de mulher forte, tipo raro, independente emocionalmente, e em todos os sentidos. Não é desfeita da sua companhia  nem da paz que você me trás, é só pra você saber que eu sou diferente de todas a mulheres que você está acostumado, que com você ou sem você, a minha vida continuará a mesma, livre.

Tainá Sampaio

0 comentários:

Deixe seu comentário