Além de mim

Hoje decidi fazer o que venho adiando nesses 3 meses de Blog. Vou falar sobre mim. Falar mesmo, e não nas entrelinhas... Nem falar sobre coisas que eu gosto, dar dicas que eu gostaria de receber se "estivesse" leitora, ou qualquer coisa do tipo. Vou Publicar, tirar do rascunho...

Meu dia começou as 6hs hoje. Ouvi o som do despertador mas ativei o "Soneca" pra continuar na cama por mais 30 minutos. E continuei... Misturei cochilos e pensamentos sobre o que deveria fazer hoje, o que fiz ontem e o que viria no decorrer do dia. Será que sonhei?
Orei. Pedi que o fluxo seguisse bem, ameno, tranquilo, e que tudo pudesse dar certo. O dia voou, com problemas surgindo e outros se resolvendo. No fim do expediente já estava exausta, só queria ir embora. Não sei explicar bem, mas eu só queria ir... Não sei exatamente onde... Não sei exatamente por que... Só sei que queria fechar os olhos e pensar que as coisas se resolveriam sem que eu precisasse mover uma cutícula sequer. 
Bobagem...
Isso é a mais profunda utopia...

Decidi ir pra casa. Dirigi por 16 minutos. Passei nos corredores das avenidas, ultrapassando os carros... Minha vontade era de cozinhar alguma coisa pro José Humberto. Mas, me falta entusiasmo, acho... Ou talento, rsrsrs.. Será que ele vai gostar de uma pizza pré-pronta de assar no forno? Tá! Eu sei, isso não é cozinhar... E minha mãe ia reclamar do teor de sódio que tem em alimentos conservados, embalados, empacotado, industrializados e bla bla bla...

No fim, resolvi entrar no quarto, fechar a porta e janelas, apagar as luzes e escrever... Tenho visto o Blog como um escape... Talvez eu me iluda pensando que ninguém está lendo minhas palavras! Acho que você não chegou até cá embaixo... Chegou?

Por que me deixar ser adulta? Por que tenho que resolver quase tudo? Tenho tanto sono... Até parece que não criei o Blog pra dar um UP em tudo que sinto... não estou conseguindo causar esse efeito em mim mesma... 
Mas vou ficando por aqui. Desculpe o desabafo! Não leve a mal... Eu só achei que devia registar, ou ao menos tentar... 

Boa noite! 

5 comentários:

  1. Carol17/8/12

    Belas palavras, sabe de uma coisa ? eu tenho uma imensa paciência em ouvir os problemas alheios e até ajudar a decidir/resolver, mais eu não resolvo os meus =/ tem dias que somos as piores, mas em compensação temos muitos outros melhores. Veja sempre o lado positivo da vida, enxerga todos os sucessos que conquistou até o momento e todos que ainda estão por vir, porque INFELISMENTE vida não é apenas de sorrisos, apesar de que CHORAR faz bem a alma rsrs '. Vou te falar algo que um dia o Jose Humberto te disse: Escreva em uma folha todas as coisas boas que voce tem e conquistou até hoje e compare com as ruins, tenho certeza que isso poderá te ajudar de uma certa forma :) BOOOM DIA COM MUITO ALEGRIAA E DISPOSIÇÃOOO *--*

    ResponderExcluir
  2. José Humberto17/8/12

    Meu amor, sempre serei cobaia para seus experimentos culinários!!! rsrs...
    Problemas vem e vão, tente não se apegar ou dar mais importância do que merecem pois são passageiros...
    Você além de linda, é muito inteligente e cada vez venho reconhecendo mais, talentosa! Vc é muito especial!
    Conte comigo sempre e para tudo, pois ao contrário dos problemas nós temos um lindo futuro pela frente, nada de passageiro...
    Te amo minha popotinha linda!!!

    ResponderExcluir
  3. Fiquei muito feliz mesmo quando vi o comentário de vocês dois (aí de cima). Muito bom saber que tem gente que me apoia sempre!

    ResponderExcluir
  4. Vanessa18/8/12

    Todos tem problemas amiga, mas não deixe que isso lhe atrapalhe, que lhe deixe triste.... Pense assim:"Nada que um dia após o outro"!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada melhor que um dia após o outro! Obrigada gente!

      Excluir